REDESENHO DE UM ESCRITÓRIO DE PROJETOS: TIPOLOGIA, PROCESSOS E INDICADORES DE GESTÃO


A partir da segunda metade do século XX, diversas empresas adotaram organização por projeto como alternativa às estruturas tradicionalmente funcionais. Este planejamento organizacional tem se fundamentado na gestão de projetos como iniciativa voltada ao desenvolvimento de excelência operacional e vantagem competitiva. De modo a promover este potencial, os escritórios de projetos têm se destacado como unidades centralizadoras de controle, suporte e conhecimento na área. Este trabalho é fruto de análise crítica da implantação desta unidade em uma instituição de educação e assessoria empresarial, e tem como objetivo sua reestruturação conceitual, operacional e gerencial. Assim, o estudo focou em três pontos principais abordados por revisão teórica e avaliação de casos práticos: tipologia de escritórios de projetos, modelagem de processos e controle por indicadores. Esse embasamento teórico-ferramental e de práticas comuns a alguns escritórios de referência permitiu uma nova orientação estratégica de escopo com a classificação dos tipos de escritórios adequados – PSO e CPO – ao mesmo tempo em que resultou na modelagem de fluxos de processos de apoio e na definição de dez indicadores de gestão para estes fluxos. Através das sugestões para implantação destas melhorias, comunicação planejada e disponibilização de recursos tecnológicos, a organização poderá incrementar o sucesso em seus projetos.


Palavras-chave em portugues: Escritório de gestão de projetos, Processos, Indicadores
Orientador:
Data de Defesa: